Seguidores

terça-feira, 24 de setembro de 2013

ESTUDO BÍBLICO NO SALMO 3

AS AFLIÇÕES NÃO PODEM TIRAR A NOSSA PAZ.

SALMO  3.1-8 MULTIPLICADO OS MEUS ADVERSÁRIOS! Este salmo é um lamento diante de Deus. Quase uma terça parte dos salmos pertence a esta categoria.
(1) O conteúdo básico de um salmo de lamento consiste:
(a)  de uma fervente invocação de Deus (v. 1),
(b) uma descrição da aflição,
(c ) sofrimento ou injustiça que o crente sofre (vv. 1,2),
(d) uma afirmação da confiança do crente em Deus (vv. 3-6),
(e) uma súplica por socorro (v. 7) e
(f) uma expressão de louvor ou ação de graças (v. 8).

(2) Na Bíblia, indica que Deus quer que os seus o invoquem em tempos de necessidade e aflição 
(ver Hb 4.16). CHEGUEMOS POIS COM CONFIANÇA AO TRONO DA GRAÇA.
(a) Cristo se compadece das nossas fraquezas (v. 15), 
(b) podemos chegar com confiança ao trono celestial, sabendo que nossas orações e petições são bem acolhidas e ouvidas por nosso Pai celestial (cf. 10.19,20).

(3) É chamado o "trono da graça", porque dele fluem:
(a)  o amor,
(b) o socorro,
(c ) a misericórida,
(d) o perdão,
(e) o poder divino,
(f) o batismo com o Espírito Santo,
(g) os dons espirituais,
(h) o fruto do Espírito Santo e tudo de que precisamos em todas as circunstâncias.
(i) Uma das maiores bênçãos da salvação é que Cristo, agora, é nosso sumo sacerdote, conduzindo-nos até a sua presença pessoal, de modo que sempre podemos buscar a ajuda de que carecemos.

 SALMO  3.3 TU, SENHOR, ÉS UM ESCUDO... A MINHA GLÓRIA. O crente que vive segundo a vontade de Deus, mas que se acha sob aflição e oposição (vv. 1,2; ver 2 Sm 15.15-30), pode invocar a Deus na confiança de que Ele agirá em seu favor, segundo o seu divino propósito.
(1) Escudo refere-se à proteção divina (ver Gn 15.1, onde Deus é o escudo de Abraão; Dt 33.29, onde Ele é o escudo de Israel).

(2) Deus é a glória do crente, no sentido de que a sua presença, comunhão e ajuda são o nosso maior bem.

SALMO  3.5 EU ME DEITEI E DORMI.
(1) O crente que com fervor busca a Deus, e que sempre confia na sua fidelidade, na confiança de que Ele o ouve (v. 4), pode deitar-se em paz e dormir seguro (cf. Salmo 4.8; Levitico 26.6; Proverbios 3.24 ).

(2) Deus o sustentará e concederá a sua graça, inclusive durante o sono (ver 127.2; Pv 3.24).

(3) At.12.5,6  Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.  E, quando Herodes estava para o fazer comparecer, nessa mesma noite, estava Pedro dormindo entre dois soldados, ligado com duas cadeias, e os guardas diante da porta guardavam a prisão.

CONFIANDO INTEIRAMENTE EM DEUS. PODEMOS DORMIR TRANQUILOS. MESMO EM MEIOS AS MAIORES AFLIÇÕES.

Fonte de pesquisa: Bíblia de Estudo Pentecostal

Adaptado pelo Ev. Natalino dos Anjos

3 comentários:

  1. A paz de Cristo, veja meu blog: willian bugiga e o site www.convertidos.com.br
    A paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém. Já visitei e estou seguindo. Fique na paz do Senhor.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir